Manifesto Ouroboros

“A música se multiplica quando a gente se consome.”

 

As nossas conversas vêm acontecendo desde o início de 2013, com muita troca, aprendizado e compartilhamento. Trocamos frases, poemas, música e sons. Cada integrante do projeto canta as músicas de todos, com releitura de arranjos e nova personalidade musical.

É experimental, é bonito, é gostoso. Somos quatro músicos que se alimentam da troca musical das nossas ideias e gostos pelo que faz bem ao ouvido.

O Manifesto Ouroboros se materializa com o espetáculo "Verso Dentro, Alma Exposta" que em 2014 vai passar pelos quatro cantos de Santa Catarina, levando ao público nossas canções e nossas descobertas: de música, prosa e poesia

 

Declaração formal de intenções ou expressão pública. Esse é o significado da palavra manifesto. E o que se quer aqui nada mais é do que expressar e mostrar a arte nua e crua, com a verdadeira essência de compositores que respiram a música onde quer que ela esteja.

Calinho Luminoso, músico e compositor de Brusque, Daian Schmitt, de Blumenau, Bruno Kohl, de Portobelo, e Dentinho Arueira, de Joinville, integram esse manifesto chamado Ouroboros – um símbolo representado por uma serpente que morde a própria cauda. Sim, eles vão se morder e irão instigar você a pensar na música como um diálogo, compartilhando histórias e canções.

Quatro compositores de diferentes regiões do estado, com estilos próprios de criar canções, unidos pela sensibilidade da música. A ideia aqui é compor, compartilhar e compactuar – um consumindo a arte do outro; um apresentando a música do outro.

 

Compor – Todos são compositores

Compactuar – Descobrem a obra do outro

Compartilhar – Com apresentações pelo estado

 

O Manifesto Ouroboros é permeado não só de música, mas de respeito e admiração. Os artistas curtem a possibilidade de expressar no palco (e também nos ensaios) as canções produzidas ao longo desses anos de trabalho. A proposta deles de legitimar a música autoral fará com que o público consuma a arte de raiz, conhecendo diferentes canções dos artistas do movimento.

Com encontros todas às segundas-feiras, o quarteto pretende organizar shows pelo Estado. Segundo os compositores, haverá uma dinâmica que traduz todo o conceito do Manifesto: cada músico irá cantar a música do outro, depois todos cantam juntos, em uma verdadeira antropofagia autoral.

 

Os manifestantes

 

Daian Schmitt

Blumenau/SC

Calinho Luminoso

Brusque/SC

Dentinho Arueira

Joinville/SC

Bruno Kohl

Porto Belo/SC

 

Espetáculo: "Verso Dentro, Alma Exposta"

 

Ouroboros e Banda

  • 18 de julho 
  • Brusque, SC

Ouroboros e Banda

  • 09 de agosto
  • Teatro Carlos Gomes
  • Blumenau, SC

Ouroboros e Banda

  • 11 de outubro
  • 2º Festival do Camarão
  • 22 horas
  • Porto Belo, SC
agenda-ouroboros3.jpg

Ouroboros e Banda

  • 23 de Novembro
  • Joinville, SC